“A saúde pública de Timon está um caos”, dispara o vereador Anderson Pêgo

 

Vereador Anderson Pêgo: “Os dinheiros que era para pagar os médicos está indo para licitações fraudulentas”

Vereador: “O que é melhor para a população, propaganda ou os médicos?”

Além de outros problemas, o líder da oposição, vereador Anderson Pêgo (PSDB) resolveu focar sobre a valorização dos profissionais de saúde no discurso que fez na sessão desta segunda-feira (11), na Câmara de Timon. “A saúde pública em Timon na sua Atenção Básica está falida porque não existe uma política pública voltada para o funcionários desta área”, disse o parlamentar.

Segundo o vereador do PSDB, em conversa com o secretário de Saúde de Timon este lhe disse que os médicos recebem o salário de R$ 3.500,00 para trabalhar todos os dias das 8 horas ao meio dia.

“Hoje nós não temos médico na Vila do Bec, no Mateusinho como não temos em várias outras unidades de saúde que foram abertas e os médicos não querem ir trabalhar. Por que? Porque o salário é baixo! Mas, eu quero dizer a população timonense que a oposição fechou questão, oposição que é maioria, e o orçamento de Timon só será aprovado se o salário do médico de R$ 10 mil para cima, não será aprovado um salário menor do que esse porque a população precisa de médico”, afirmou Anderson Pêgo.

Sobre a questão salarial dos médicos de Timon o vereador Anderson Pêgo frisou que,“Os dinheiros que era para pagar os médicos está indo para licitações fraudulentas, os dinheiros que era para pagar os salários dos médicos está indo para a corrupção do governo municipal e nós não podemos admitir isso! Fiz uns cálculos rápidos e vai onerar a folha de pagamento em torno de R$ 5 milhões, a população prefere pagar R$ 5 milhões de propaganda ou R$ 5 milhões para os médicos? O que é melhor para a população, propaganda ou os médicos?… E o promotor de Justiça doutor Borges elogiou a iniciativa da oposição de aumentar os salários dos médicos”.

“E a prefeitura de Timon com a Sofia Comunicação gasta 2, 3, 4, R$ 5 milhões por ano de propaganda, gasta R$ 5 milhões por ano com a Tekynik de internet enquanto a população não tem médico, a população não é bem atendida, a população não tem remédio, mas, se tem dinheiro para comunicação, para internet”, lamentou o líder da oposição.

Do Blog do Ludwig

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *