A lição que fica da Prévia dos Blocos de Chapadinha…

A lição que fica da Prévia dos Blocos de Chapadinha…

A cidade de Chapadinha já respira Carnaval. A Prévia dos Blocos realizada pela Prefeitura através da Secretaria de Cultura no último final de semana, mostrou a disposição do folião para encarar os dias de festa que se aproximam. A iniciativa tem sua representatividade e simbologia, principalmente em tempos como os que vivem os municípios do país atualmente.

Primeiro é importante pontuar a coerência do governo. No momento em que todos os municípios falam de crise e a imprensa noticia que não haverá convênio com o Governo do Estado para apoios ao Carnaval, seria uma contrariedade gastar cifras milionárias para realização da festa.

Ao mesmo tempo ninguém diz que o Carnaval não tem importância, logicamente que tem, mas sua realização não pode comprometer a saúde financeira do município. A própria população seria a primeira a cobrar se nos tempos de dificuldades o governo esbanjasse dinheiro com atrações nacionais. Cobrança correta por sinal. E o que fazer então? Usar a criatividade, ora essa!

A idéia da Prévia elaborada pelo governo é um exemplo criativo que deu certo e foi promovida com gasto mínimo.

O que esperar da folia de Momo em Chapadinha? Uma programação diversificada, atrativa, com segurança e sem exageros, mas respeitando as condições financeiras da atualidade. O chapadinhense é alegre por natureza e é esse o ingrediente principal da Festa de Momo.

Não há espaço para os politiqueiros, porque Magno sabe das suas responsabilidades e da necessidade de governar com austeridade. Para o Carnaval só não vai quem não gosta ou quem por algum motivo particular não pode ir.

Pois como bem cantou Caetano Veloso, atrás do trio elétrico só não vai quem já morreu…

Deixe uma resposta